Acessibilidade

Sead, Seduc e Prodam automatizam cálculos da folha de pagamento

Foto: Divulgação/Prodam

Para facilitar a gestão dos mais de 26 mil professores que compõem o quadro de pessoal da Secretaria de Estado de Educação (Seduc-AM), a empresa Processamento de Dados Amazonas S.A (Prodam) acaba de finalizar um novo módulo do sistema de gerenciamento de recursos humanos utilizado pelo Governo do Estado, o ProdamRH. A inciativa surgiu após técnicos da Coordenadoria de Recursos Humanos (CRH) da Secretaria de Estado de Administração e Gestão (Sead) perceberem a necessidade de criação do módulo.

Com a novidade, os cálculos da folha de pagamento que envolvem os processos de substituição e complementação de carga horária de professor serão feitos de maneira automatizada

O analista de sistemas da Prodam, Claudemir Gomes, explica que para desenvolver o módulo foi preciso coordenar as diversas variáveis que compõem os cálculos da folha de pagamento. “Pode parecer simples, mas programar uma substituição de professores exige a realização de cálculos complexos e ter acesso a informações do tipo: o professor cotado para substituir ainda tem horas disponíveis? Fazer tudo isso manualmente é uma operação complexa, suscetível a erros. Com o sistema, todas essas informações estarão integradas de maneira automatizada”, explicou.

Para a gerente de Folha de Pagamento da Seduc-AM, Elizabeth Palmeira Neves, o diferencial desse módulo será sentido no cotidiano dos servidores de gestão de folha de pagamento da secretaria. “Quanto mais eficaz for o sistema, melhor será o atendimento desta Gerência. Esperamos que a nova solução evite possíveis incorreções de cálculos e atrasos no pagamento dos professores, que causam insatisfações e constrangimentos aos mesmos”, afirmou.

Para a titular da Sead, Inês Carolina Simonetti, o módulo visa, principalmente, trazer celeridade e segurança para os gestores de RH da Seduc-AM. “A segurança se dá pelo fato dos cálculos, por meio do módulo, serem automatizados. Isso deve trazer, em breve, economia ao erário e, sem dúvida, irá melhorar a gestão da Seduc-AM”.

Inês explicou que, assim que os técnicos perceberam a necessidade do módulo, a CRH da Sead começou a pensar em como levar esses cálculos para dentro do sistema. A coordenadoria é responsável pela gestão da folha de pagamento dos servidores, em parceira com os departamentos de RH dos demais órgãos e entidades do Estado.

Apresentação – Na última sexta-feira (02/08), integrantes da Gerência de Folha de Pagamento da Seduc-AM estiveram na Prodam para conhecer o novo módulo de substituição e complementação de carga horária de professor. “A solução foi aprovada, e agora partiremos para implantação. Nossa expectativa é que, até setembro, o modulo esteja disponível”, explicou Gomes.

Gestão – O ProdamRH foi desenvolvido pela Prodam em 2013, para processar e gerenciar as folhas de pagamentos da administração estadual. Atualmente, a solução está implantada em 118 órgãos, fazendo o controle das ocorrências funcionais de mais de 390 mil servidores. A versão atual do sistema possui 79 módulos, entre eles: nomeação, processos de exoneração do cargo, dispensa de cargo comissionado, dispensa de aposentadoria e falecimento, plano de cargos e salários e movimentação financeira.

Sobre a Prodam – A Processamento de Dados Amazonas S.A (Prodam) é uma sociedade de economia mista, cujo maior acionista é o Governo do Amazonas. Seus técnicos desenvolvem soluções que impactam o dia a dia do amazonense, como os sistemas de educação pública e de trânsito. Além disso, a Prodam desenvolve soluções que melhoram a gestão governamental, como os sistemas de patrimônio, almoxarifado e protocolo eletrônico.